Uma Semana no Mercado (03/15 - 03/21): Hora dos Bancos Centrais

Uma Semana no Mercado (03/15 - 03/21): Hora dos Bancos Centrais

Tempo de leitura: 3 minutos



Outra semana de março será surpreendentemente agitada: haverá muitas sessões de bancos centrais, um fluxo de estatísticas, o que significa que os investidores poderão desfrutar de toda uma variedade de drivers ou de tomar decisões comerciais.

Bancos centrais: observando e avaliando

Esta semana será rica em sessões de Bancos Centrais. Os participantes da maratona são o Sistema da Reserva Federal dos EUA, CBs da Inglaterra, Rússia e Japão; além disso, os reguladores da Turquia, Indonésia, Egito, Taiwan, Noruega e Brasil também terão sessões para tomar decisões monetárias importantes. Não se esperam mudanças sérias nas taxas de juros, mas os comentários serão extremamente importantes, pois definirão o caminho para ativos de risco.

USD: as estatísticas podem apoiar o dólar

Nesta semana, os EUA vão divulgar um fluxo de estatísticas interessantes: vendas no varejo e dados de produção industrial de fevereiro, o PMI de março. Os resultados provavelmente serão moderados, mas assim que o programa de estimulação for lançado, as estatísticas definitivamente irão melhorar. Os dados neutros serão positivos para o dólar americano.

GBP: foco no Banco da Inglaterra

Esta semana, o Banco da Inglaterra está se reunindo para uma sessão. A taxa de juros deve permanecer em 0.10%. O que vale a pena, de fato, são os comentários do BoE após o evento: eles vão dar algumas estimativas do que está acontecendo na economia e em quanto tempo todo o sistema vai voltar ao normal. Os comentários reservados serão neutros para a libra, enquanto uma posição mais ativa apoiará a libra.

Brent: a IEA definirá a estrutura para as negociações

A Agência Internacional de Energia está preparando seu relatório mensal sobre o mercado de petróleo. Se houver alguma evidência de que a demanda está se animando, as cotações do Brent terão sustentação, embora com o atual balanço de oferta e demanda tenham problemas para passar de 70 dólares por barril.

The Fed: Powell dirá algo importante

Na próxima sessão de março do Fed, o chefe do Sistema, Jerome Powell, pode mudar seu tom de comentário visivelmente de neutro para positivo porque o governo está lançando o programa de estímulo. Se o Fed estiver otimista, o dólar pode obter algum suporte.




Publicaremos artigos com base nas melhores sugestões.

Comentários

Artigo anterior

O que é atenuação quantitativa e como isso influencia as taxas de câmbio?

O Quantitative Easing é um tipo de política do Banco Central que enche a economia de dinheiro extra para aumentar os investimentos do setor privado e provocar o crescimento da demanda. Vamos descobrir o que é QE e se podemos lucrar com isso.

Próximo artigo

Ações da Huawei e da Xiaomi reagiram às notícias dos EUA

As ações da Huawei e da Xiaomi estão indo em direções opostas. As empresas americanas que cooperam com a Huawei têm suas vidas dificultadas pelo governo dos Estados Unidos, enquanto a Xiaomi tem acesso a investimentos americanos novamente.