O relatório trimestral da Nike fez as ações da empresa caírem mais de 6%. A receita de junho a agosto cresceu, mas não correspondeu às expectativas dos especialistas de Wall Street. Devido ao COVID-19, existem sérios problemas de produção e fornecimento na Ásia.